Google pode sair da China, por causa da censura.

13/01/2010 - "Não queremos continuar censurando nossas buscas". A frase consta do pronunciamento publicado ontem no Blog oficial do Google, em que a empresa informa que detectou um "ataque altamente sofisticado" na infraestrutura da corporação, originado da China. O Google denuncia o acesso ilícito a contas de ativistas chineses no GMail, desde dezembro, em ataques qualificados como "massivos" e "organizados".

A companhia diz que espera estabelecer um entendimento com o governo chinês, mas alerta que pode ser forçada a fechar o site chinês e seus escritórios no país. Em 2006, quando lançouo seu serviço na China, o Google aceitou a implantação de mecanismos de censura, criando a versão do seu motor de busca com sufixo ".cn". Essa postura, muito criticada em todo o mundo, causou queda de 1,25% nos títulos da companhia no mercado.

A nota oficial da companhia ressalta que a decisão de reavaliar as operações comerciais na China foi muito difícil, e que a empresa sabe que sofrerá consequências: "Queremos deixar claro que esta ação foi motivada por nossos executivos nos Estados Unidos, sem o conhecimento ou envolvimento dos empregados na China, que trabalharam duro para tornar o Google.cn o sucesso que é hoje. Estamos comprometidos a trabalhar responsavelmente para resolver os difíceis tópicos levantados agora”.
A empresa Baidu, concorrente do Google e líder de buscas na internet chinesa, também denunciou ataques a seus serviços.

O Ministério das Relações Exteriores da China negou que o governo esteja relacionado com os ataques. Alguns especialistas estrangeiros afirmam que parte das invasões apresenta sinais de organização sofisticada.

>> A REDE

Ele é Blogueiro, Designer gráfico e Palestrante... Auditório, ele é bom ou não é?!?!?

COMPARTILHAR

POSTAGENS RELACIONADAS

Próxima
« Voltar
Anterior
Próxima »
A reprodução do conteúdo deste blog é permitida e incentivada, desde que citada e linkada a sua fonte.
Todas as postagens aqui são linkadas.